5 de julho de 2010

Declaração de Helsinki sobre a Segurança dos Pacientes em Anestesiologia


A Anestesiologia, especialidade médica que inclui anestesia, cuidados perioperatórios, medicina intensiva, terapia da dor e medicina de emergência, sempre participou de tentativas sistemáticas de melhorar a segurança do paciente. Os anestesistas têm uma oportunidade ímpar para influenciar a segurança e a qualidade do atendimento ao paciente. As conquistas do passado permitiram à especialidade a percepção de que tornou-se segura, mas não deve haver espaço para complacência ou pensamento de que não há necessidade de melhorias. Cada vez mais pacientes idosos e mais críticos, intervenções cirúrgicas mais complexas, mais pressão sobre a produtividade, novos medicamentos e equipamentos - todos estes componentes representam riscos no trabalho dos anestesistas.

Em resposta a este ambiente de trabalho cada vez mais difícil e complexo, o Conselho Europeu de Anestesiologia (EBA), em cooperação com a Sociedade Europeia de Anestesiologia (ESA), elaborou um plano para a segurança do paciente em anestesiologia. Este documento, a ser conhecido como a Declaração de Helsinki sobre a Segurança dos Pacientes em Anestesiologia, foi aprovado por estes dois organismos, juntamente com a Organização Mundial de Saúde (OMS), a Federação Mundial das Sociedades de Anestesiologistas (WFSA) e a Federação de Pacientes Europeus (Federação EPF) na reunião Euroanaesthesia em Helsinki, em Junho de 2010.

A Declaração representa uma visão europeia comum do que é digno, viável e necessário para melhorar a segurança do paciente em anestesiologia, em 2010.

A Declaração recomenda medidas práticas que todos os anestesistas podem incluir na sua prática clínica. Em paralelo, EBA e ESA lançaram uma Task Force em Segurança do Paciente, a fim de colocar em prática estas recomendações.

Importante salientar que o Programa “Segurança no período Perioperatório: 10 Passos para a Anestesia Segura” está alinhado à Declaração de Helsinki.

Nenhum comentário:

Pesquisar neste blog

Ocorreu um erro neste gadget